Tudo que precisa saber sobre Prouni 2020.1

Para participar do Programa Universidade para Todos, você precisa ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio – Enem, que dá acesso ao ensino superior no Brasil. O ProUni, SISU, FIES e Enem são caminhos que levam o estudante a realizar o sonho de se formar em uma universidade pública ou privada no país. Vamos saber como funciona ProUni 2020.1!

Criado em 2004 pelo Ministério da Educação, o ProUni tem realizado o sonho de milhares de jovens a ingressarem no ensino superior.

O programa disponibiliza bolsas de estudo integrais e parciais, a fim de que o estudante não pague nenhum centavo em seu curso ou pague pelo menos a metade da sua graduação.

Como funciona ProUni 2020.1: quem pode participar

Assim como todo programa do Governo Federal, é preciso que alguns requisitos sejam atendidos para garantir a vaga no ProUni:

– Ter estudado em escola pública no ensino médio, ou como bolsista integral na rede particular de ensino.

– Ter feito a versão mais recente do Enem, obtendo 450 pontos na prova objetiva e nota maior que zero na redação.

– Ser um (a) professor (a) de escola pública, desde que esteja exercendo a profissão e tenha feito o último Enem tirando nota mínima.

– Pessoas com deficiência também podem participar, desde que levem os documentos de comprovação de renda e os do perfil socioeconômico no ato da matrícula na faculdade.

– O ProUni reserva vagas para cotistas em todos os processos seletivos.

Comprovação de renda familiar

Para se candidatar a uma bolsa integral do ProUni, o estudante precisa ter uma renda familiar mensal por pessoa, de até um salário mínimo e meio.

E para ter acesso a uma bolsa parcial do ProUni, a renda deverá ser de até três salários mínimos.

Caso a renda familiar mensal exceda o valor de três salários mínimos, o candidato não poderá concorrer a uma vaga no ProUni.

ProUni 2020.1: inscrevendo-se no programa

As inscrições para o Programa Universidade para Todos são feitas de forma totalmente online.

– Acesse www.prouniportal.mec.gov.br

– Não perca o prazo de inscrições para o Prouni, que é de oito dias: do dia 02 ao dia 09 de fevereiro de 2020.

– Os resultados da primeira chamada saem no dia 11 de fevereiro de 2020.

– Comprovação das informações referentes à primeira chamada do ProUni: dia 11 a 17 de fevereiro de 2020.

– Os resultados da segunda chamada sairão no dia 23 de fevereiro.

– Comprovação da veracidade das informações na segunda chamada: 23 a 28 de fevereiro de 2020.

– Prazo de participação da lista de espera: 10 a 11 de março de 2020.

– Resultado da lista de espera: 14 de março de 2020.

– Prazo para a entrega dos documentos das matrículas: 15 a 16 de março.

Os principais documentos necessários para a matrícula no ProUni 2020:

  • Documento de identidade válido e recente: RG, CNH, Carteira Funcional, Identidade Militar;
  • Comprovante de residência (original ou cópia): contas de água, gás, energia elétrica, telefone fixo ou móvel.
  • Comprovantes de renda: holerites, contracheques, declaração de imposto de renda, carteira de trabalho.
  • Atividade rural: declaração de imposto de renda (pessoa física ou jurídica), extratos bancários.

Leia também: PASSO A PASSO ProUni 2020 Inscrições

Desempate do ProUni

Por serem inúmeras vagas em diversas faculdades do país, podem acontecer empates no sistema do ProUni.

Para desempatar, os critérios utilizados são:

  • Encontrar os candidatos com as maiores notas na redação do Enem.
  • As maiores notas na prova de Linguagem, Códigos e suas Tecnologias.
  • Maiores notas na prova de Matemática e suas Tecnologias.
  • Maiores notas na prova de Ciências da Natureza, Ciências Humanas e suas Tecnologias.

ProUni 2020.1 – Bolsa de permanência

A bolsa de permanência é um benefício destinado aos estudantes que adquiriram a bolsa integral do Programa Universidade para Todos, que corresponde a todos os recursos que o estudante precisa para concluir o seu curso.

Para conseguir e manter a bolsa de permanência, o estudante precisará:

  • Permanecer matriculado nos cursos presenciais com duração de no mínimo seis meses.
  • Manter-se nos cursos com carga horária média de seis horas diárias, em instituições aprovadas pelo MEC.
  • O valor da bolsa permanência é divulgado sempre no início do mês, e caso os estudantes não atendam aos critérios acima poderão ter o benefício suspenso.

Bolsa permanência cancelada

Como mencionado acima, o estudante pode perder a bolsa permanência se:

  • A bolsa com o ProUni for cancelada;
  • O aluno pedir transferência da bolsa para outro curso que não atenda as exigências;
  • Utilizar indevidamente os recursos estudantis que recebeu;
  • For comprovado que o estudante falsificou documentos para conseguir a bolsa;
  • O estudante optou por não receber mais o benefício;

Importância do ProUni 2020.1

O Programa Universidade para Todos já possibilitou a entrada de milhares de jovens nas principais faculdades e universidades do país.

Jovens e adultos de todas as idades estão realizando o sonho de finalmente concluir o ensino superior, mesmo sem condições financeiras para arcar com os custos dos estudos.

Assim como o ProUni, o Sisu (Sistema de Seleção Unificada), o Fies (Financiamento Estudantil) e o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) existem para facilitar o ingresso de todos os brasileiros em cursos de graduação.

Agora que você descobriu como funciona Prouni 2020, continue atento aos prazos de inscrição para participar do programa, e assim fazer parte de uma nova realidade no Brasil.

Dias 2 a 9 de fevereiro de 2020

Dias 22 a 25 de janeiro de 2020

Dias 6 a 17 de maio de 2020

ProUni e FIES

Estudantes que conseguirem 50% de bolsa do ProUni, ainda podem complementar o restante financiando 50% com o Financiamento Estudantil – FIES.

Dá para acompanhar as novidades do ProUni através do aplicativo do programa, compatível com sistema Android, Windows Phone e Apple (celulares e tablets).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *